Único - moto Triumph Tiger 900

Triumph Tiger 900 chega mais potente em versões off-road e asfalto

OUÇA O POST EM PODCAST

Com maior cilindrada em relação à Tiger anterior, a moto Adventure ganhou também novos design, chassis e suspensão e conectividade aperfeiçoada.

Seis meses depois de chegar às lojas europeias está disponível no Brasil a nova Triumph Tiger 900. Além da maior cilindrada em relação à versão anterior, 800, a moto da marca inglesa traz outras inovações, tanto no visual quanto na parte técnica. Montada na fábrica de Manaus (AM), a moto foi lançada inicialmente em duas versões: 900 Rally Pro para off-road e 900 GT para cidade e asfalto.

O modelo substitui a Tiger 800, cujo primeiro modelo foi lançado em 2010 e se consolidou como um dos destaques na no segmento Adventure de motos de médio porte. Chega às concessionárias custando R$ 57.990 (Tiger 900 GT Pro) e 59.990 (Tiger 900 Rally Pro).

A Tiger 900 na versão Rally Pro.

Oferece seis modos de pilotagem no modelo Rally Pro (“Rain”, “Road”, “Sport”, “Off-Road”, “Configurável pelo Piloto” e “Off-Road Pro”). Um novo recurso, chamado Antiparalisação, nos modos “Off-Road” e “Off-Road Pro”, aumenta automaticamente as rotações de marcha lenta para evitar paradas. O modo de pilotagem “Off-Road Pro”, exclusivo do modelo Rally Pro, é a configuração off-road mais extrema da Triumph para aventuras fora de estrada, com freios ABS e controle de tração desativados. No modelo GT Pro, são cinco modos de pilotagem: “Rain”, “Road”, “Sport”, “Off-Road” e “Configurável pelo Piloto”.

O novo motor de três cilindros, agora é mais potente, com 900 cm³, com potência de 95 cv que chegam a 8.750 rpm e torque de 8,8 mkgf a 7.250 rpm (pico 10% maior do que no motor antigo). Como o ronco do motor é fundamental nessa categoria de motocicletas, esse ganho de desempenho vem acompanhado de um ronco muito mais agressivo e envolvente. O motor agora também é compatível com o Euro 5, conjunto de normas regulamentadoras da Europa que visa a diminuição da emissão de poluentes dos veículos.

As duas versões da 900 mantêm o câmbio de seis marchas da Triumph anterior, que permite a troca de marcha sem acionar a embreagem. O modelo GT Pro dispõe de suspensão traseira eletronicamente ajustável por menu no painel: é possível escolher entre nove níveis de controle de amortecimento, variando de Comfort (mais suave) a Sport (mais firme).

De acordo com a Triumph, a mudança para radiador duplo melhora o resfriamento do motor e reduz o calor sentido nas pernas pelo piloto. Também segundo as informações da empresa, essa configuração permitiu trazer o motor mais à frente, otimizando o centro de gravidade e melhorando o equilíbrio em baixa velocidade.

A moto também ganhou mais autonomia com o aumento da capacidade do tanque de combustível de 19 para 20 litros). Mesmo com o tanque maior, por causa do novo chassi modular, de treliça de aço mais leve, a moto pesa 5 kg a menos que a geração anterior.

Disponíveis como item de série nos dois modelos, novos instrumentos na tela TFT de sete polegadas apresentam informações ao piloto em quatro estilos diferentes. Há também quatro opções de cores diferentes para escolher e versões de alto/baixo contraste para escolher a visibilidade ideal segundo a condição de luz. Também de série, o painel de instrumentos vem com um sistema de conectividade ao telefone celular que permite atender chamadas telefônicas, selecionar músicas, navegar pelo Google e controlar uma câmera GoPro. Sob o assento fica uma tomada USB de 5V, para garantir o uso ininterrupto do sistema de conectividade e manter o celular sempre carregado.

Para melhorar a estabilidade da moto na pilotagem, o novo sistema de freios ABS com função de curva foi otimizado por meio de uma Unidade de Medição de Inércia (IMU), que permite a seleção automática do nível adequado de intervenção do controle de ABS e de tração, medindo constantemente as taxas de balanço, inclinação, esterçamento e aceleração para calcular o ângulo de inclinação.

A Triumph 900 ganhou também iluminação total em LED (farol, lanternas, luzes indicadoras e faróis de neblina), novo pára-brisa ajustável com só uma mão. Tem também interruptores iluminados com um joystick de cinco direções, controle eletrônico de velocidade de cruzeiro, manoplas aquecidas, assentos aquecidos (com controles separados para piloto e carona).

As motos estão disponíveis nas cores Pure White (branco), Sapphire Black (preto) e Korosi Red (vermelho) para a Tiger 900 GT Pro e Pure White (branco), Sapphire Black (preto) e Matt Khaki Green (verde militar) para a Tiger 900 Rally Pro.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Leia também
Mitsubishi Pajero Sport 2021 ganha novo visual e mais tecnologia